Tesla Model X

Há veículos urbanos que já podem ser utilizados e movidos através de energia elétrica. Porém, estas viaturas ainda possuem um custo elevado para muitos portugueses e por isso fizemos uma seleção com o melhor custo benefício, tendo em consideração as características e o preço dos carros elétricos de 2018 até 2021.

Conteúdos

Seleção de modelos dos carros elétricos

1. Porsche Taycan

Se procura um excelente carro elétrico que ofereça um verdadeiro prazer de condução, o Porsche Taycan é o ideal para si. Para além da sua condução espantosa é, também, elegante tanto por dentro como fora, e prático. E a verdade é que o carro perfeito não existe, porém, se existe um veículo próximo da perfeição, esse veículo é o Porsche Taycan.

Condução

No desenvolvimento do Taycan, o maior problema no seu desenvolvimento era o peso que se centrava nas baterias, e quando o comparamos com o Panamera, o Taycan tem pelo umas centenas de quilos a mais que o Porsche Panamera, dependendo dos modelos que se compara.

E esses quilos a mais tornam a sua condução mais impressionante, pois a sua aceleração dos 0-100 km/h é de 5,4 segundos, o que é bastante rápido. No entanto, esses valores aplicam-se ao modelo standard e se quiser uma aceleração ainda maior, recomendamos o modelo Turbo S cuja a aceleração dos 0-100 km/h é de 2.8 segundos.

Tecnologia e conforto

O interior do Taycan é incrível até ao mínimo detalhe. Cada superfície em que toca sente-se  de pé e tudo se sente maravilhosa.

O lugar do condutor é espetacular, sendo os bancos confortáveis com um bom apoio lateral. Além do mais, estando posicionado numa posição baixa perto do chão, ou seja, tal como um modelo desportivo. O Taycan vem com um ajuste de assento elétrico e de oito opções de ajuste, porém, se pretender pode ter mais opções de ajuste, por um custo extra, claro.

Um aspeto importante no Taycan são os três ecrãs, um atrás do volante e dois tácteis no meio do tablier. O ecrã atrás do volante é personalizável e dá-lhe informações sobre o trajeto e que força G se gera nos cantos do carro. Já os ecrãs do meio servem para controlar as restantes funcionalidades do veículo. Além do mais, por um extra pode ter um ecrã no lugar do passageiro que o permite ver a velocidade e controlar a música.

Dois detalhes mínimos, mas que são úteis são o carregamento wireless e acesso ao Apple CarPlay.

Espaço para passageiros e bagageira

No que concerne a espaço, o Taycan também não falha, tendo o suficiente para as pernas e a cabeça, ou seja, é um veículo que seguramente não incomodará pessoas altas. O mesmo se pode dizer dos assentos de trás, porém o lugar do meio pode ser menos cómodo para uma pessoa adulta.

A bagageira é também espaçosa para colocar várias malas grandes e existe como em outros veículos um compartimento no chão da bagageira para guardar os cabos de carregamento.

Carregamento

Quanto ao carregamento, o Taycan carrega até uma potência máxima de 270 kW, porém, a existência de carregadores super rápidos de 270 kW são raros. No entanto, existem outros carregadores que permitem carregamentos a um máximo de 100 kW e que tardam a carregar o veículo de 0-100% em cerca de 40mins.

Porém, se pretender carregar em casa com carga semirrápida, com um carregador de parede de 7,4 kW, o veículo ficará carregado dos 0-100% em cerca de 13,5 hrs. Isto, claro, dependendo do modelo do Taycan.

Preço

O Porsche Taycan é um veículo caro, mas que em termos de custo benefício compensará sempre. É realmente um veículo bem construído, elegante e prático que oferece um verdadeiro prazer de condução. O preço base é de 87.127€ podendo ascender até aos  193.399€ se optar pelo modelo Turbo S.

Porsche Taycan

2. Tesla Model X

Para muitos, o Tesla Model X é o melhor veículo elétrico no mercado. É um veículo compacto, com um design que visa o máximo conforto e segurança mais uma autonomia máxima de 580 km.

Condução

Como todos os carros elétricos, o Model X é realmente simples de conduzir. Para arrancar, só necessita de premir o botão ‘Conduzir’ e apertar o acelerador como faria num carro automático tradicional. Além do mais, há apenas uma mudança, o que significa que a aceleração é incrivelmente suave, sem interrupções.

Onde o Model X difere da maioria dos carros elétricos é na rapidez com que consegue captar a velocidade. Se optar pelo modelo Performance, o Model X atingirá os 0-100 km/h em pouco mais de 2,6 segundos. A versão Long Range Plus atinge tempos de 4,4 segundos dos 0-100 km/h.

Um ponto bastante positivo é a forte travagem regenerativa que ajuda a recarregar a bateria e faz com que o carro desacelere rapidamente assim que se levanta o acelerador. Aliás, o normal nos condutores de Tesla é não usarem muito o pedal do travão e simplesmente levantarem o pé do acelarador. De facto, só precisa realmente do pedal esquerdo quando estiver a chegar a uma paragem completa.

Tecnologia e conforto

O interior do Model X  tem um aspecto minimalista, sendo tudo desde os limpa para-brisas, ar condicionado, suspensão e faróis, controlado através do ecrã táctil central de 17 polegadas de alta resolução.

Conforto não falta nos veículos da Tesla. Como em todos os outros modelos da marca, existe uma boa variedade de ajustes tanto para o volante como para o banco do condutor. O banco é também bastante confortável, com apoio lombar ajustável, sendo que, mesmo após algumas horas ao volante, não se sentirá desconfortável.

Espaço para passageiros e bagageira

O espaço é outra característica que não falta, tendo uma capacidade de arrumação de 2577 litros conforme as suas necessidades, pode configurar este VE para ter 5, 6 e 7 lugares.

Os bancos mais recuados são desbloqueados da sua posição vertical com um botão discreto, mas precisam de ser empurrados manualmente para o chão ou puxados de novo para cima.

Entrar nas traseiras é fácil, graças a essas portas de asa de falcão. Revelam uma grande abertura com um recorte no telhado para evitar que se bata com a cabeça quando se senta . Além disso, as portas precisam apenas de 11 cm de espaço nas laterais do carro para funcionar graças às suas inteligentes dobradiças.

Carregamento

O Model X não emite qualquer CO2, pelo que não pagará qualquer imposto de CO2 até Abril de 2021 se optar por gerir um como carro da empresa e apenas uma pequena quantidade depois disso. Beneficiará de uma utilização ilimitada e gratuita da rede de Supercharger da Tesla, a qual pode proporcionar recargas muito rápidas. Mesmo que cobre em casa utilizando um carregador de parede de 7kW (uma carga completa demorará aproximadamente 15 horas), pagará muito menos pela electricidade do que pagaria por gasolina ou gasóleo.

Preço

Como os outros modelos da Tesla, o Model X tem duas versões o Long Range e o Plaid, estando a diferença na composição do motor. O Long Range tem mais autonomia em relação ao Plaid, porém, o tempo de aceleração dos 0 aos 100 é 1s mais lento. Pode comprar um Model X a partir de 100.970€.

Carro elétrico Tesla Model X

3. Polestar 2

Polestar é a marca de automóveis eléctricos autónoma, focada no desempenho, nascida da marca Volvo. O Polestar 2 é o segundo carro da empresa e é o expoente máximo dos suecos no sector da mobilidade elétrica.

Condução

O Polestar 2 tem uma bateria de 78kWh que alimenta dois motores eléctricos. Como em todos os carros eléctricos, quando se carrega no acelerador, o veículo decola com uma rapidez que nenhum veículo a gasolina ou diesel pode igualar.

De momento, só existe um modelo Polestar 2 disponível. Portanto, se optar por comprar um, tem informar o concessionário se o quer com ou sem o Performance Pack. Esta aquisição acrescenta amortecedores especiais Ohlins que se podem ajustar manualmente.

Tecnologia e conforto

O interior do veículo conta com o sistema de som Harman Kardon que é rico em termos de som e possuí um bass muito forte.

O lugar do condutor é o ideal, pois os pedais alinham-se perfeitamente com o volante e o assento, e o sistema de ajuste do assento funciona bem, incluindo para apoio lombar.

Espaço para passageiros e bagageira

Neste veículo, até mesmo os condutores e passageiros altos sentir-se-ão confortáveis pois o que não falta é espaço. E o espaço dá um armazenamento decente, incluindo um par de suportes para copos, um cubby central debaixo do apoio do braço, e caixotes de porta estreitos. Há também uma generosa quantidade de espaço para as pernas na parte de trás. O porta bagagens também é amplo, tendo até mesmo por baixo do seu chão um lugar para guardar os cabos de carregamento.

Carregamento

O Polestar permite carregamentos em corrente direta de 150kW, ou seja conseguirá carregar o veículo na totalidade em pouco menos de 30 minutos, porém, estes carregadores são escassos, e será mais provável encontrar um de 50kW, que mesmo assim carregará o seu veículo na totalidade em cerca de 1h. Já um carregador doméstico que carregue até um máximo de 7,4kW, carrega os veículo dos 0-100% em cerca de 12 horas, enquanto que uma tomada doméstica leva cerca de 23h a carregá-lo.

Preço

Infelizmente, este modelo ainda não tem preço em Portugal, porém, o preço base não deverá estar abaixo dos 60.000€.

Carro elétrico Polestar 2

4. Tesla Model 3

Com uma autonomia de 564 km em cidade, o Tesla Model 3 é o carro elétrico mais vendido de todos os tempos. Este veículo robusto oferece o máximo de segurança com uma estrutura metálica composta por aço e alumínio, aliás, de acordo com a Tesla, o Model 3 apresentou um teste de resistência de quatro vezes a sua própria massa.

Condução

O seu motor duplo, travões e suspensão rebaixada permitem um controlo total sobre este veículo em todas as condições atmosféricas. A simbiose destes fatores permite que o veículo tenha uma aceleração dos 0-100 km/h em apenas 3,3 segundos, e o seu controlo digital sobre o binário para as rodas dianteiras e traseiras melhoram a manobrabilidade e controlo de tração.

Uma das melhores regalias que vem com os Tesla é a sua funcionalidade auto pilot, que o ajuda a lidar com as dificuldades que a estrada pode apresentar.

Tecnologia e conforto

Tal como o Model X, o interior do Model 3  tem um aspecto minimalista, sendo tudo controlado através do ecrã táctil central. O velocímetro também está presente no ecrã e a disposição do ecrã é intuitiva, e embora alguns dos ícones mais pequenos possam distrair para bater com precisão enquanto se conduz, pelo menos o sistema é rápido e eficaz depois de se ter feito selecionado o ícone.

Além disso, a posição de condução do Model 3 é bastante boa, com o assento, volante e pedais alinhados todos ordenadamente.

Como no Model X e S, existe uma boa variedade de ajustes tanto para o volante como para o banco do condutor. O banco é de apoio mas bastante confortável, com apoio lombar ajustável. Mesmo após algumas horas ao volante, as suas costas não se sentirão como um pretzel que acabou de ser pisado.

Espaço para passageiros e bagageira

É pouco provável que os passageiros do banco da frente tenham quaisquer queixas sobre o espaço, por mais alto que sejam. Existem também muitos compartimentos para guardar vários objetos, ou seja, o bem como caixotes da porta da frente que podem levar cada um uma grande garrafa de água.

A área dos bancos da frente também se sente notavelmente leve e arejada, graças a uma combinação das janelas laterais altas e teto panorâmico padrão de vidro.

Carregamento

Comprar um Modelo 3 dá-lhe acesso à própria rede de Superchargers da Tesla, o que lhe permite carregar a bateria (de 10-80%) em pouco mais de 30 minutos. Tem de pagar cada vez, mas o preço é razoável, e a rede de Supercharger é mais prolífica e fiável do que qualquer outra. Claro que ainda pode carregar em qualquer ponto de carregamento CCS público de 50kW se for necessário, mas é provável que este método demore mais tempo, enquanto que uma carga completa de 0-100% em casa usando um carregador de 7kW demora cerca de 11h15min.

Preço

O preço deste carro elétrico novo está em torno dos 48.900€. Apesar do investimento um pouco mais elevado, a performance e o conforto prometidos pelo fabricante foram decisivos para a conquista deste segundo lugar.

Preço carro elétrico: Preço Tesla Model 3

5. Tesla Model S

O Model S é o veículo que pôs a Tesla no mapa como fabricante de veículos. É um executivo que foi feito a pensar no conforto dos seus passageiros. Tal como todos os outros modelos, este tem, também, várias versões e o Autopilot.

Condução

De acordo com a Tesla, o Model S foi feito a pensar na eficiência, acima de tudo na velocidade e autonomia. O que o torna impressionante é o facto de ir dos 0-100 km/h em 1.9 segundos. O Tesla Model S tem uma autonomia de 610 km

Na cidade e arredores o Model S é incrivelmente suave e silencioso,

Tecnologia e conforto

A visibilidade para a frente é decente, mas o pára-brisas volumoso e os pilares laterais podem atrapalhar quando se olha para a esquerda e para a direita numa função em T. A visibilidade para trás também é restrita devido a um ângulo agudo do ecrã traseiro e a pilares traseiros grossos.

Ainda assim, a ajuda está disponível na forma de sensores de estacionamento dianteiros e traseiros de série e uma câmara de visão traseira. No entanto, o facto de Tesla não oferecer uma câmara de estacionamento de 360 graus, mesmo como opção, parece estranho, porque há câmaras pontilhadas à volta do carro para o sistema Autopilot utilizar.

Como nos restante Teslas, quase não existem interruptores ou botões no Model S. Em vez disso, temos o enorme ecrã táctil a cores de 17,0 polegadas que tem gráficos nítidos e de alta definição e serviços online. Aliás, um ecrã táctil deve grande, pois é mais amigável de usar do que alguns sistemas rivais com ecrãs mais pequenos.

Espaço para passageiros e bagageira

O chão dos assentos de trás é completamente plano, não havendo nenhuma lombada no meio do Model S, pelo que não há obstrução para que um passageiro do meio tenha de passar por cima. No entanto, não há muito espaço para os pés debaixo dos bancos da frente, e a praça de assentos é colocada bastante baixa em relação ao chão, o que não permite uma posição ideal de assento.

Mesmo assim, não terá muitas queixas sobre o espaço real que oferece, com espaço suficiente para a cabeça, perna e ombro para caber três adultos altos com pouco problema.

Carregamento

No que concerne os carregamentos, um Supercharger da Tesla levará cerca de 40mins para encher a bateria de 10-80%, enquanto um carregador doméstico de 7,0kW irá enchê-lo de 0-100% em cerca de 15hrs.

Preço

Em termos de preço, o Model S tem um custo de 89.805,20€.

Tesla Model S

6. Jaguar i-Pace

Como é normal na Jaguar, todos os seus veículos transmitem uma única palavra: luxo. O I-Pace não é exceção e faz jus ao que a marca representa. Entrou no mercado com intenções de se mostrar um real competidor da Tesla e das outras marcas de luxo e conseguiu provar que está presente no mercado para ficar.

Condução

Como é normal nos veículos da marca, este Jaguar I-Pace tem tracção às quatro rodas, cortesia de dois motores eléctricos, um na frente, outro na retaguarda.

Com uma bateria de 90 kWh, este ostensivo veículo tem uma autonomia de 470 km. Vai dos 0-100km/h em 4.2 segundos. É um veículo que transmite uma sensação de equilíbrio, agilidade e precisão que não se encontra noutro veículo elétrico. Oferece uma combinação de performance, autonomia e luxo, ao mesmo tempo oferece a versatilidade e praticidade de um SUV. O I-Pace é realmente um dos melhor veículos elétricos disponíveis no mercado.

Tecnologia e conforto

Pelos padrões dos SUV, o assento do Jaguar I-Pace é baixo de mais, porém, pode ajustar os bancos através dos comandos eléctricos do veículo e adaptar os assentos ao seu conforto. ficarem confortáveis, enquanto que os bancos nas versões mais caras são totalmente eléctricos e têm uma função de memória. Os bancos desportivos de série na frente têm um óptimo aspecto e oferecem muito apoio, ajudando ao conforto em longas distâncias.

Todos os I-Pace fogem os tradicionais mostradores de instrumentos analógicos para um visor digital de 12,3 polegadas que lhe permite decidir que informação é apresentada directamente à sua frente.

O acabamento S tem um painel sensível ao toque baixo na consola central para controlar funções tais como o ar condicionado.

É uma sorte, então, que se receba uma câmara de 360 graus e um alerta de tráfego cruzado traseiro como padrão.
Como em outros automóveis Jaguar modernos, no centro do painel superior do I-Pace encontra-se um grande ecrã táctil de 9,8 cm, no qual se pode aceder às funções sat-nav, telémovel e estéreo. O Apple CarPlay e o Android Auto também vêm como equipamento de série.

Espaço para passageiros e bagageira

Não é provável que tenha falta de espaço para a cabeça ou para as pernas na frente do Jaguar I-Pace – mesmo que seja realmente alto. Os bancos da frente estão a uma boa distância entre si, pelo que também não estará a bater cotovelos com a pessoa ao seu lado.

Há espaço suficiente para a cabeça e as pernas na parte de trás do Jaguar I-Pace mesm0 que os passageiros sejam altos, porém, algujmas pessoas podem sentir-se um pouco claustrofóbicos devido às janelas relativamente pequenas e à forma como o tejadilho se curva para baixo para os lados do carro.

a bota da I-Pace tem uma forma utilizável, com uma abertura larga e um lábio pequeno que ajuda quando se transporta objectos volumosos. Como é normal nos VE’s, o I-Pace tem um espaço debaixo do chão da bagageira dedicado aos cabos de carregamento e uma segunda bagageira na frente do carro. No total, o porta-bagagens pode acomodar sete malas de mão

Carregamento

Recarregar as baterias a 80% da capacidade a partir do plano com um carregador de parede de 11kW (como pode acontecer quando se liga durante a noite) demora cerca de nove horas. Um carregador público de 50kW reduz esse tempo para 85min enquanto os carregadores de 100kW (que ainda são raros) demoram derca de 40min.

Preço

O seu preço começa nos 81.787,99, que apesar de ser elevado, o é justificado por tudo o que introduziu no mercado. Outras marcas do mesmo seguimento devem olhar para este ostensivo veículo como um exemplo a seguir.

Veículo elétrico Jaguar i-Pace

7. Nissan Leaf

O veículo 100% elétrico mais vendido em Portugal no ano de 2019.

Condução

Equipado com sistemas de condução inteligentes, o condutor sentir-se-á mais seguro a conduzir o veículo. Este sistema mantém a velocidade pelo condutor, faz paragens automáticas, mantém-no na sua faixa (mesmo em curvas), mantém-no a distâncias de segurança dos outros veículos e possuí o sistema inteligente anticolisão com deteção de peões.

Tecnologia e conforto

Além do mais, o veículo possuí a app Nissan Connect que o permite estar constantemente conectado ao veículo permitindo-o fazer a gestão da autonomia, encontrar estações de carregamento, entre outras funções. O painel de controlo é de fácil utilização, e existem botões simples e físicos para operar todos os controlos principais, em vez dos interfaces problemáticos e sensíveis ao toque como é o caso de certos veículos.

Espaço para passageiros e bagageira

O Nissan Leaf é um carro espaçoso, onde qualquer pessoa se sentirá confortável, mesmo até que os bancos estejam montados bastante alto no carro. Há espaço suficiente para a cabeça e para as pernas, isso é seguro.

O veículo tem vários compartimentos, que podem ser essenciais para guardar certos objetos como telemóvel e chaves. Além disso, o veículo tem dois porta-copos de tamanho decente entre os assentos dianteiros.

A sua bagageira é também bastante espaçosa e consegue colocar várias malas nela.

Carregamento

O Leaf utiliza um cabo Tipo 2 para efetuar carregamentos. A carga de 0-100% utilizando um carregador de 7kW demorará cerca de 6,5hrs (40kW Leaf) ou 10hrs (62kWh e+) No entanto, existe também um conector CHAdeMO para carga rápida até 50kW, que levará o Leaf 40kWh de 10-80% em cerca de 40mins, e o 62kWh e+ em cerca de uma hora.

Preço

Possui uma capacidade de baterias de 40kWh ou 62kWh, dependendo do modelo. Com preços a partir de 23.900€ para carros de segunda mão, esse veículo traz a tranquilidade e segurança para os seus proprietários e uma absoluta eficiência energética inerente ao seu funcionamento.

Carro elétrico Nissan Leaf

8. Hyundai Kauai

O Hyundai Kauai é um veículo que entrou no mercado para competir com os restantes SUV e a verdade é que conquistou muitos condutores. O seu custo acessivel aquando comparado com outros, mais a sua bateria de 64 kWh e a autonomia de 449 km fazem dele um desejável.

Condução

O tempo estimado dos 0-100 km/h em 7,9 segundos.

Tecnologia e conforto

Encontrar uma posição de condução confortável é fácil graças, em parte, ao volante que se move para dentro e para fora, bem como para cima e para baixo.

Todos os principais comandos do Kona Electric são fáceis de utilizar, e o mostrador digital de instrumentos de 10,3 polegadas atrás do volante é fácil de ler.

A posição de condução vertical de Kona e o grande pára-brisas ajudam a facilitar a visão para fora do que a Folha, que tem pilares de pára-brisas mais volumosos que podem bloquear a sua visão em cruzamentos e rotundas. A visibilidade sobre os ombros não é grande (culpa os pilares traseiros volumosos de Kona), mas todas as versões vêm com uma câmara de visão traseira e sensores de estacionamento traseiros para ajudar a mitigar isso. O acabamento Premium acrescenta sensores de estacionamento dianteiros e actualiza os faróis de halogéneo de fraca luminosidade para unidades LED mais brilhantes.

Espaço para passageiros e bagageira

Poucas pessoas, mesmo as que têm bem mais de 1,80 m de altura, se queixarão da quantidade de espaço na frente da Hyundai Kona Electric.

Na bagageira cabem quatro malas de viagem

Carregamento

Com um carregador de parede de 7,4 kW, consegue carregar o Kauai de 39 kWh dos 0 aos 100% em cerca de 6h, e o Kauai de 64 kWh em cerca de 9h. Com um carregador CCS de 50kW, cvonsegue carregar o Kauai 39 kWh dos 10% aos 80% em 47mins, e o de 64 kWh em 64mins. Os modelos de 64kWh também podem beneficiar de carregamentos mais rápidos de 100kW, reduzindo o tempo de carregamento da totalidade da bateria para 47 minutos.

Preço

Além do mais, a Hyundai oferece 8 anos de garantia para as baterias refrigeradas.

É um SUV muito interessante para famílias e é um dos favoritos dos portugueses . A sua significativa autonomia e eficiência encontram-se na tomada de decisão na hora da compra. Este carro elétrico pode ser adquirido a partir dos 39.000€.

Hyundai Kauai: preços carro eletrico

 

9. Kia e-Niro

Quando o Kia e-Niro foi introduzido no mercado criou bastante comoção devido ao seu preço acessível e à sua autonomia que pode ir até 455 km.

Este 100% elétrico possuí duas versões: uma versão “standart” com uma bateria de 39,2 kWh de capacidade e uma versão “long range” de 64 kWh de capacidade.

Condução

Em termos de condução, a versão de 64 kWh supera a de 39 kWh, isto porque o de 64 kWh é mais pesado por causa da bateria, e porque a suspensão do de 64 kWh está mais bem afinada, aliás, é notável que a estabilidade e balanço do modelo de 39 kWh não é tão boa.

Os automóveis eléctricos têm uma grande vantagem sobre os modelos a gasolina e diesel nesta área, porque não há nenhum motor ruidoso e de combustão lenta debaixo do capot. No e-Niro, ouve-se apenas um choro silencioso ao acelerar a velocidade e, a velocidades muito baixas, um curioso zumbido sintetizado para avisar os peões da sua presença.

Se aumentar a força da travagem regenerativa do carro usando as pás atrás do volante, não tem de usar os travões com a mesma frequência com que usaria num carro convencional. Quanto mais alto for o nível, mais rapidamente se abranda quando se levanta o pé do pedal do acelerador e o motor troca para gerar electricidade para encher a bateria.

Tecnologia e conforto

A Hyundai não poupou no design do veículo, criando um carro espaçoso e confortável com materiais de alta qualidade e tecnologia de ponta. O seu ecrã de sistema de navegação permite ter até 3 aplicações abertas e o seu painel de instrumentos conta com um velocímetro digital que regista estatísticas cruciais do veículo.

O e-Niro possuí um sistema de travagem regenerativo e um travão de estacionamento eletrónico.

Espaço para passageiros e bagageira

O Kia e-Niro ganhou uma grande reputação desde o seu lançamento. Porquê? Bem, deu ao mercado de carros eléctricos um abanão antigo, oferecendo uma gama alargada ao estilo Tesla por um preço muito mais baixo.

Carregamento

Com um carregador de parede de 7kW demora cerca de 6hrs para os 39kWh e cerca de 9hrs para os 64kWh (0-100%). A bateria de 39kW carrega até 50kW a partir de um carregador CCS público demorando cerca de 47 minutos a carregar dos 0 aos 100%. A bateria de 64kWh pode ser carregada até 77kW, logo, com um carregador mais rápido, demorará cerca de 50 minutos para efetuar cargas dos 0 aos 100%.

Preço

A partir de 36.025€ pode adquirir um e-Niro.

Carro elétrico KIA e-Niro

10. Audi e-tron GT

A Audi decidiu apostar forte no mercado da mobilidade elétrica e de Neckarsulm saiu esta “fera”o Audi e-tron GT.

Condução

Comecemos já pelo essencial, é um GT, e se é um GT, é rápido. Competindo diretamente com o Model X e o i-Pace, este SUV conta com uma bateria de 87 kWh conseguindo carregar até um máximo de 22 kW . E uma autonomia de 370 km.

Tecnologia e conforto

Porém, o que mais impressiona é a tecnologia de vanguarda presente no e-tron, nomeadamente os espelhos retrovisores virtuais, que transmitem as imagens para os ecrãs. Além dos cinco ecrãs presentes no interior do veículo que permitem controlar os sistemas de conforto e outras funcionalidades de entretenimento.

Espaço para passageiros e bagageira

O e-tron GT é espaçoso, tem muito espaço para a cabeça e pernas, e o seu interior, tal como o resto do e-tron GT, é largo. Encontrando, assim, muito espaço de armazenamento. Na verdade, nota-se a similaridade entre o e-tron GT e o Taycan.

A bagageira é suficientemente grande cabendo nela um total de 6 malas de viagem. Existe também espaço na parte de baixo do chão para os cabos de carregamento, mas se adquirir o sistema de som melhorado, esse espaço é convertido em subwoofer. Porém, não tem problema, pois pode guardar os cabos num compartimento frontal.

Se precisar de transportar bagagem extra, pode dobrar os bancos traseiros do e-tron GT. Eles vêm com uma divisão 40/20/40 como padrão.

Carregamento

Quanto ao carregamento, existem duas entradas para Mennekes em cada ala frontal, assegurando-se assim que o cabo de carregamento chegue. Em condições ideais, consegue carregar a 270 kW ose 0-100% em cerca de 20 minutos.

No entanto, como esses carregadores de estação de serviço de 270 kW são escassos, consegue sempre carregar a 100kW dos 0-100% em 40 minutos, ou pode carregar a totalidade da bateria em casa dos 0 aos 100% a partir de um carregador de parede em 13,5hrs, isto a 7.4 kW, no entanto, com uma instalação trifásica pode carregar a 22 kW numa média de 4h.

Preço

O preço do e-tron começa nos 106.618€. Evidentemente que é um valor elevado, porém o veículo compensa pela engenharia que está toda por detrás da sua conceção.

Audi e-tron GT

 

Precisa de instalar um posto de carregamento?

Tendência dos preços dos carros elétricos em Portugal a partir de 2021

Como em todas as novas tecnologias amplamente aceites, os carros elétricos seguem o mesmo padrão: primeiro há um um aumento nos preços, seguido de uma redução tendo em conta o aumento das vendas dos veículos e as economias de escala relacionadas com as quantidades transacionadas e fabricadas.

O aumento dos preços dos carros elétricos e, por conseguinte, a queda pode ser explicada por uma série de razões:

  • Primeiro existe um aumento da procura, sem existir um aumento de oferta. Para além disso, a curva de aprendizagem dos fabricantes também tem influência direta no seu custo inicial. Para além disso o número reduzido de carros produzidos e número limitado de concorrentes neste mercado são fatores que influenciam toda a cadeia de produção e as economias de escala internas.
  • No segundo momento esta situação é diferente. Há novas empresas que iniciam a fabricação de veículos elétricos, existe um incremento na oferta do mercado e da concorrência, ocorrendo uma competição mais agressiva pela preferência do consumidor.

A tecnologia de fabricação e produção dos carros elétricos tornar-se-á mais acessível, são obtidas as tão esperadas economias de escala e são desenvolvidos modelos ainda mais otimizados no que respeita a sua produção.

O resultado desses fatores são refletidos nos preços praticados tendencialmente mais baixos e acessíveis. Tendo em conta o exposto, o preço dos carros elétricos em 2021 deve ficar mais barato, mantendo uma tendência de queda.

Carros elétricos semi novos: apenas 6 mil euros

Uma opção para seu primeiro carro elétrico é a compra de semi novos (ou usados). Nestes casos é possível conseguir uma economia e poupança sobre o preço dos carros elétricos em cerca de 50%. Com uma média de 40.000 euros para carros novos, é possível comprar um veículo elétrico com 5 anos de fabricação por 6.000 euros (importado e para revenda – negócio possível de concretizar), refletindo objetivamente uma economia de 85%!

Com uma rápida pesquisa, é possível encontrar o carro elétrico ideal para as suas necessidades. Dos concessionários mais influentes em Portugal na venda de veículos elétricos é o grupo Automóvel do Mondego. Seus preços são economicamente competitivos e o atendimento pessoal é bastante próximo e direto.

Como a média de quilômetros percorridos anualmente em Portugal é de apenas 10 mil, um veículo com 50 mil quilômetros de circulação, por um preço de apenas 6 mil euros pode ser uma opção abusivamente interessante.

© 2021 LugEnergy

lugenergy.pt